Aquários de vidro ou acrílico? Tudo o que você precisa saber!

Bem sabemos que no aquarismo a escolha de um aquário é imprescindível para a qualidade de vida dos peixes e demais animais marinhos que nele ficarão expostos. Deste modo, uma das características que buscamos ao investir em um aquário é a elevada resistência do material de fabricação.

Via de regra, um aquário necessita resistir a eventuais impactos, uma vez que comumente ficam expostos e não estão ilesos às condições externas do ambiente.

Em geral, os aquários são grandes atrativos, posto que chamam a atenção devido a estética da exposição dos peixes. Nesse sentido os aquários devem propiciar ainda uma visibilidade clara e distinta dos seres que abrigam.

Posto isso, a equipe da Centauri traz no post de hoje algumas diferenças elementares entre os clássicos aquários de vidro e a nova tendência aquarista, os inovadores aquários de acrílico. Confira!

Aquários de vidro: principais vantagens e desvantagens

Tradicionais, funcionais e rígidos os aquários de vidro são ótimas opções para você que está pensando em começar no mundo do aquarismo. 

Aquário de vidro redondo com peixe de coloração laranja dentro

Em tese, você pode encontrar o aquário em três tipos de vidro: comum, laminado e temperado. Quando o vidro é laminado ou comum antes de estourar, ele racha ou trinca, o que já infere a necessidade de troca, muito antes de um acidente maior acontecer.

Em contrapartida, aquários em vidro temperado não são muito recomendados, uma vez que não sinalizam visualmente quando estão na iminência de estourar, mas simplesmente explodem em infinitos pedaços cortantes. Isto pode ser um grande  perigo, principalmente, se você possui crianças em casa. 

Deste modo, se pretende adquirir um aquário de vidro, para a sua segurança e de sua família, opte por vidro comum ou laminado. 

Por serem mais simplistas e não requisitarem grandes cuidados para a limpeza interna como os aquários de acrílico, aquários de vidro ganham quando o quesito é manutenção. Tão certo que para limpá-los esponjas e raspadores já são suficientes. 

Outro ponto positivo dos aquários de vidro é o custo benefício, uma vez que são mais baratos do que os aquários de acrílico, que podem chegar a custar até 3x mais do que o valor de um aquário de vidro comum.

Aquários de acrílico: excelência em resistência e visibilidade

Os aquários de acrílicos são altamente resistentes e, portanto, duráveis. Por serem menos rígidos e mais maleáveis que os aquários de vidro, suportam maiores dilatações, assim não possuem grandes propensões de quebra em impactos, assim, resistem a diferentes intempéries.

Menino de óculos observando peixe dentro de aquário redondo de vidro

A grande resistência outorga aos aquários de acrílico maior dificuldade de quebra e rachaduras. Mas, por eventualidade, caso ocorra, um polimento é suficiente para que o aquário volte ao seu estado inicial.

Quanto à quebra, um ponto a se levar em conta é que aquários em acrílico não estilhaçam em pedaços cortantes como o vidro, muito pelo contrário, primeiro racham, sinalizando a iminência de uma quebra e, posteriormente, fragmentam-se em pedaços.

Por terem menos da metade do peso dos aquários de vidro, os aquários em acrílico são leves e podem ser facilmente transportados sem grandes esforços, além de serem suportados por quaisquer estruturas, seja de madeira, metal ou mármore, sem a possibilidade de solapar as bases por excesso de peso.

Uma outra característica que faz este tipo de aquário ganhar pontos diz respeito a nitidez visual que entregam de seu interior. Em outras palavras, aquários de acrílico são mais transparentes do que os de vidro, apresentando 92% de transmissão luminosa, concedendo-nos uma visão menos turva e mais distinta.

Tão certo que quando estamos rentes a um aquário extra clean, a nossa experiência visual é quase que palpável, não aparentando a existência de uma intermediação em acrílico entre nós e o ambiente aquático emulado. Assim, podemos ainda inferir, que aquários em acrílico nos permitem experiências estéticas mais naturais.

Como se não bastasse todas essas qualidades, os aquários em acrílico possuem a capacidade de resistência aos raios UV, o que os possibilitam em média 10 anos de vida, suportando elevadas temperaturas.  

Afinal, qual aquário escolher?

Embora o aquário de vidro não nos propicie exímia resistência, translucidez e leveza, quando equiparado com o aquário de acrílico, ainda assim acaba sendo um ótima opção para aqueles que querem comprar o seu primeiro aquário, dada a praticidade da manutenção e o baixo custo de aquisição.

Aquário redondo de vidro com peixe de coloração avermelhada dentro

No entanto, se você preza por maior qualidade e possui maior capital de investimento, comprar um aquário de acrílico é a melhor alternativa, uma vez que terá a garantia de maior resistência contra possíveis impactos e uma contemplação visual mais aprazível.

Gostou do post? Esperamos que agora você tenha entendido mais um pouquinho sobre o universo do aquarismo por meio da distinção dos aquários de vidro e de acrílico. Acompanhe o nosso blog para ficar sempre informado sobre as diversas possibilidades do uso desse material.

Até logo.

Leave a Reply